Site Autárquico de Vila Real de Santo António

Mapa do Concelho

Áreas Estratégicas

Áreas EstratégicasGabinete de Apoio ao Emprego Eurocidade do GuadianaAssociativismo

Rede social

A Rede Social, criada pela Resolução do Conselho de Ministros n.º 197/97, é entendida como um fórum de articulação e congregação de esforços, baseado na adesão livre por parte das autarquias e das entidades públicas ou privadas que nela queiram participar.

Os objetivos desta medida visam o combate à pobreza e exclusão social e a promoção do desenvolvimento social, mediante estratégias de intervenção que permitam através da utilização e rentabilização dos recursos locais, mobilizar as entidades e as populações para uma participação mais ativa no que diz respeito à resolução dos seus problemas, assim como na procura de soluções mais próximas e adequadas à realidade da população e da região.

 

A Rede Social em Vila Real de Santo António  surgiu no Concelho de Vila Real de Santo António a 21 de Dezembro de 1999 na sequência da Resolução do Conselho de Ministros nº 197/97, de 18 de Novembro, mediante a qual pretendeu-se desenvolver a fase experimental desta medida de Política Social, integrando inicialmente 41 Concelhos Piloto de entre os quais se destaca o nosso concelho.

Em 26 de Maio de 2000 deu-se a constituição do CLAS de V.R.S.A. o qual conta atualmente com 32 entidades parceiras.

Em 09/Junho/2000 foi aprovado o Regulamento Interno e Constituído o Núcleo Executivo, órgão coordenador e dinamizador de todo o processo da Rede Social no Concelho.

 

A Rede Social de Vila Real de Santo António, atenta aos problemas do concelho e consciente da magnitude dos mesmos, pretende desenvolver um trabalho em parceria no qual se fomente a formação de uma maior consciência coletiva sobre os problemas sociais, consciência essa que se pretende alargar à população, veículo de transformação de atitudes e ativação dos meios e agentes de resposta para a otimização possível dos meios de ação locais.

  

Princípios de Ação da Rede Social:

.Subsidiariedade

.Integração

.Articulação

.Participação

.Inovação

.Igualdade de Género

 

Baseando-se nos princípios anteriormente referidos pretende-se adotar uma metodologia de intervenção que contemple o planeamento integrado de forma a responder às necessidades individuais e coletivas, à articulação das iniciativas em curso na comunidade e à conceção de um projeto integrado de Desenvolvimento Local.

Para o efeito foi atualizado o Diagnóstico Social, o qual prevê a caracterização da situação atual do concelho e respetiva definição de prioridades de intervenção. Encontra-se em fase de conclusão o Plano de Desenvolvimento Social (definição de objetivos e estratégias de intervenção no concelho, tendo em conta as prioridades do mesmo) e o Plano de Acão (projetos e programas a implementar).

 

Diagnóstico Social do Concelho de Vila Real de Santo António- março 2018 

AGENDA

PUBLICAÇÔES

Newsletter