Site Autárquico de Vila Real de Santo António

> Home > Notícias
Mapa do Concelho

Áreas Estratégicas

Áreas EstratégicasGabinete de Apoio ao Emprego Eurocidade do GuadianaAssociativismo

Luís Gomes convidado a integrar grupo de especialistas europeus para a promoção da economia social

13/07/2015

O presidente da Câmara Municipal de Vila Real de Santo António, Luís Gomes, foi convidado para integrar o Comité de Peritos da Comissão Europeia para o Empreendedorismo Social (GECES), uma plataforma que reúne especialistas em diversas áreas e que monitoriza o grau de desenvolvimento e implementação das políticas da economia social no contexto europeu.

Este convite ao também membro do Comité das Regiões da União Europeia tem em consideração o seu papel enquanto relator do projeto sobre o papel da economia social no combate ao desemprego, apresentado à Comissão de Política Social, Educação, Emprego, Investigação e Cultura (Sedec) do Comité das Regiões, da qual Luís Gomes faz parte.

O grupo GECES está em vigor durante um período de seis anos (2012-2017) e irá aconselhar e acompanhar a Comissão Europeia na criação e execução de todas as atividades relacionadas com o futuro da economia e das políticas sociais.

A sua composição integra desde representantes dos Estados-Membros, autoridades locais, organizações de empreendedores sociais, entidades do sector bancário e financeiro a académicos e universitários.

A Economia Social representa uma oportunidade de crescimento e de combate à crise económica e é atualmente responsável por 14 milhões de postos de trabalho no contexto europeu e por 10% dos negócios na Europa.

De acordo com Luís Gomes, os agentes da economia social têm-se mostrado particularmente resistentes durante a crise e têm contribuído para manter os cidadãos no mercado de trabalho, mesmo quando outros setores não o conseguem fazer, pelo que o seu papel deverá ser reconhecido como um motor de crescimento.

«As iniciativas da economia social têm aumentado o nível de confiança na sociedade e estimulado o empreendedorismo, pelo que representam uma oportunidade para desenvolver uma política capaz de integrar os cidadãos que se encontram em situação de desemprego ou estão excluídos do mercado de trabalho por ausência de qualificação ou por serem pessoas portadoras de deficiência», nota o autarca.

Constituído por 27 Estados-Membros, o GECES é regularmente consultado pela Comissão Europeia no que respeita à implementação das medidas constantes na SBI (Social Business Initiative) e na exploração de novas oportunidades que promovam o desenvolvimento do sector social europeu como veículo de combate aos principais desafios sociais.